Empresas podem comprar RFID com Cartão BNDES

Mais de uma dúzia de fornecedores de tecnologia de identificação por radiofrequência já estão autorizados pela instituição a comercializar os seus produtos

Por Edson Perin

O Cartão BNDES é um cartão de crédito que visa a financiar os investimentos das micro, pequenas e médias empresas (MPMEs) e dos microempreendedores individuais (MEIs). Podem obter o Cartão BNDES os MEIs e as MPMEs com faturamento bruto anual de até R$ 90 milhões, sediados no Brasil, de controle nacional, que exerçam atividade econômica compatível com as Políticas Operacionais e de Crédito do BNDES e que estejam em dia com o INSS, FGTS, RAIS e tributos federais. Quando a empresa fizer parte de grupo econômico, o faturamento bruto anual total dogrupo também não poderá exceder a cifra permitida.

CartaoBNDES

“O objetivo da Taggen com estas parcerias é contribuir com a disseminação da tecnologia em todos os setores e facilitar a aquisição das soluções RFID, para ampliar a utilização dos benefícios, aumentando a competitividade tecnológica do mercado”, explica Mario Prado, CEO da Taggen, dizendo que foram pesquisadas instituições com processos menos burocráticos, que pudessem auxiliar na aquisição da tecnologia.

O empresário espera que, com o investimento dos bancos para viabilizar a implantação dos sistemas RFID, as empresas possam ampliar as suas capacidades de atuação. “As soluções desenvolvidas pela Taggen resultam em processos automatizados. Com isto, as operações que demandavam tempo com conferência e pessoas para atividades manuais são otimizadas, possibilitando às empresas aproveitar os seus colaboradores para funções estratégias, que contribuam para o crescimento do negócio, além de reduzir custos operacionais”.

Diversos fornecedores com soluções para diferentes verticais já estão no site de compras do cartão disponibilizando seus produtos, como a ACURA Global, Coss Consulting, GTT Healthcare e Goodyear. Outros ainda pretendem disponibilizar suas soluções, como a Identify Brasil, Identix e Synergy.

Fonte: RFID Journal